04 Mar 17

“Duas Sessões” tornando-se assunto internacional

APN.China

Na próxima semana ocorrerá na China a chamada “Duas Sessões”. Trata-se da sessão da Assembleia Popular Nacional e a sessão da Conferência Consultiva Política do Povo Chinês. Explicarei em outro post a diferença entre um e outro órgão. Nestes dias tenho recebido demandas da Rádio China Internacional, da Xinhua News e do Diário do Povo da China para falar sobre o tema. Gravei também um vídeo que será publicado no site da China Today.

Abaixo, a entrevista que dei para a China Radio International (CRI) na versão em português publicada por eles. A matéria original foi publicada no site indicado ao final deste post.

“Especialista brasileiro: Duas Sessões terão balanço do trabalho do governo chinês

As sessões anuais da Assembleia Popular Nacional (APN) e da Conferência Consultiva Política do Povo Chinês (CCPPCh) de 2017 são significativas porque terão início no último ano do mandato do governo chinês e fará um balanço sobre o trabalho da liderança dos últimos anos, afirmou Evandro Carvalho, professor de Direito Internacional da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e da Universidade Federal Fluminense, do Rio de Janeiro.

Durante uma entrevista exclusiva à Rádio Internacional da China (CRI), Evandro Carvalho afirmou que a liderança chinesa obteve muitas conquistas nos últimos anos com uma perspectiva de futuro.

“Quando a gente ver as mudanças que foram feitas, por exemplo, na política do Filho Único, as mudanças do ponto de vista de educação, das regras do Estado de direito, no encaminhamento e aprofundamento da reforma e abertura, nas áreas de livre comércio, e no próprio projeto de Um Cinturão e Uma Rota, tem uma série de iniciativas que foram feitas nesta direção. Tudo isso mostra uma visão bastante ampla do que tem que ser feito e do que tem sido decidido nestas duas sessões, em função do próprio contexto do mandato do atual governo para se realizar estes objetivos”, disse o professor.

Evandro Carvalho ressaltou que no contexto de que muitos países ocidentais adotam o protecionismo, o ambiente é desfavorável para o desenvolvimento da economia nacional, mas a economia chinesa ainda mantém um crescimento significativo.

“Se compararmos com os restantes países do mundo, o crescimento econômico da China ainda é bastante significativo. O mundo, de certo modo, respira aliviado, enquanto a China consegue manter um crescimento razoável. Estas duas sessões e o relatório do primeiro-ministro Li Keqiang, apesar de ter como destinatário o povo chinês, irá despertar a atenção dos olhares externos, dos países estrangeiros que acompanham atentamente o desenrolar das mudanças constantes e frequentes que ocorrem na China, porque a China hoje se tornou um pilar da estabilidade internacional. O papel da China hoje é central tanto do ponto de vista da economia quanto do ponto de vista da estabilidade mundial”, disse Carvalho.”

Link para a matéria publicada no site da CRI em chinês e português: http://bit.ly/2mnG7q4


Categoria(s):

Faça o seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Código de Verificação

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>